O Grande Órgão de Notre-Dame
No coração da noite, exatamente no centro da capital francesa, um homem se inclina sobre seus teclados. Sozinho na Catedral de Notre-Dame de Paris, o organista Olivier Latry, saboreia o privilégio do Cavaillé-Coll, este instrumento de 8.000 tubos que está entre os mais prestigiosos do mundo.
O Grande Órgão de Notre-Dame não é um instrumento como qualquer outro. Mesmo que não seja o maior, continua sendo uma obra-prima e estrela no nicho amante da música.
Dezessete metros sobre a nave, o destino religioso do lugar parece mais distante do que o chão. Mas não sua força. Porém, no púlpito, o uso estrito do acompanhamento da missa evoluiu gradativamente para se equiparar com as tendências musicais atuais. Nos séculos XIX e XX, o órgão de Notre-Dame fascinou os compositores de vanguarda.
O que Olivier Latry descreve e ilustra para nós dos seus teclados é a força artística dos grandes proprietários do século passado, de Louis Vierne a Pierre Cochereau. Deslizando-se do sagrado ao profano, sua missão consistiu, para eles, em elevar um status de músico por mérito próprio e um lugar para seu instrumento na criação musical.
Mas a vida de um organista titular de Notre-Dame continua sendo singular. Repetir no instrumento requer que ?se calem sozinhos pela noite na catedral, por um tempo particular onde o poder e a elegância do som aparecem o tempo todo magnificados pela poderosa arquitetura do lugar... deserto?.
Devemos destacar que no incêndio ocorrido no dia 15 de Abril de 2019, no qual a histórica Catedral de Notre-Dame de Paris ficou em chamas, seu órgão de 8.000 tubos não sofreu danos.
Informação
Título original
The Organ Of Notre Dame
Gênero
Documentary
Transmissões seguintes
Terça-feira, 29 de Junho
20.00 H.
Quarta-feira, 30 de Junho
03.00 H.
12.00 H.