Piaf, um Hino ao Amor
Edith Piaf era uma jovem com problemas do subúrbio de Paris que passou a ser uma grande estrela da música na Nova Iorque dos anos 50. Sua infância conflitiva e a pobreza na qual cresceu marcaram seu caráter, mas a magia de sua voz a transformou em uma diva. Entre seus romances, grandes nomes como o boxeador Marcel Cerdan ou o dramaturgo Jean Cocteau. Nunca uma carreira artística foi tão marcada pela vida. Talvez tudo se resuma em sua famosa canção "La vie en rose".
O diretor deste filme, Olivier Dahan, é conhecido na França, seu país de origem, por seus títulos de cinema fantástico (?Le Petit Poucet?, ?Rios Vermelhos 2: Anjos do Apocalipse?). Em Piaf - Um Hino ao Amor, Dahan se centra na vida de um dos mitos artísticos mais importantes do século passado: Edith Piaf. A inspiração veio quando ele viu uma fotografia da cantora com uma aparência desconhecida para o grande público. Pensou em gravar uma história que percorresse sua infância, seus sucessos, suas paixões e suas desgraças. Tudo isso, tentando se afastar da biografia cinematográfica propriamente dita para criar uma história de sentimentos. História que foi indicada ao Urso de Ouro no Festival de Cinema de Berlim. A encarregada de dar vida à Piaf é Marion Cotillard. A atriz francesa participou da saga "Táxi", antes dos sucessos internacionais de "Peixe Grande e Suas Histórias Maravilhosas", "Eterno Amor" ou "Um Bom Ano". Junto a ela, vários atores franceses entre os quais se destacam Sylvie Testud, o grande Gérard Depardieu e Pascal Greggory.
Informação
Título original
LA Vie En Rose
Gênero
Biography
Transmissões seguintes
Domingo, 20 de Junho
00.10 H.
08.25 H.